Ingram Micro Brasil cria a Ingram Micro Cybersecurity, divisão de cibersegurança

Com equipe técnica altamente qualificada, nova divisão Ingram Micro Cybersecurity será a ponte entre fabricantes e revendedores, que terão apoio em toda a jornada para atender a seus clientes com a solução de segurança mais adequada para a sua demanda

Não importa o tamanho ou o setor da empresa, ser anônimo ou celebridade, uma coisa é certa: todos estão – ou deveriam estar – preocupados com a segurança digital e com a infinidade de dados compartilhados na web. Considerando que a internet das coisas já é uma realidade, conectar-se com segurança e garantir a proteção dos dados, tanto pessoais quanto corporativos, se torna um desafio ainda maior e mais urgente. Pensando nisso, e em consolidar sua posição de parceiro do mercado para soluções de segurança da informação, a Ingram Micro Brasil criou a Ingram Micro Cybersecurity, uma divisão focada em atender o canal revendedor tanto do ponto de vista técnico como comercial.

 “Já trabalhávamos com diversas ‘brands’ de segurança, e com a nova divisão aumentaremos os esforços e o foco nesse mercado.  Não há mais como protelar investimentos nessa área e nem como fazer escolhas erradas, e é aí que uma equipe especializada pode apoiar adequadamente as revendas, do pré ao pós-venda”, diz Alexandre Nakano, diretor de network e segurança da Ingram Micro Brasil.  Ele lembra que, segundo a IDC, só no Brasil os ataques de hackers, vírus e ransomwares, entre outras pragas virtuais, geraram cerca de US$ 10 bilhões em prejuízo no ano passado. “Agora é investir e acertar e a Ingram Micro Cybersecurity quer ser a interface nessa jornada”, diz Nakano, completando que hoje são mais de dois mil fabricantes de soluções de segurança digital e que essa ampla oferta também tem que ser avaliada. “Saber qual produto atende à demanda de nossas revendas, que por sua vez atende seus clientes, vem se tornando cada vez mais complexo. Como distribuidor líder de mercado, temos o papel de criar a ponte entre a revenda e oferecer a melhor solução”, afirma.

Com a nova divisão, a Ingram Micro Brasil reforça a   ajuda ao  seus  parceiros e seus clientes, seja com soluções especificas para garantir a segurança e a privacidade de dados pessoais, seja  difundindo os detalhes da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais, que entra em vigor  no  ano que vem e cria uma regulamentação para o uso, proteção e transferência de dados pessoais no país, nos âmbitos privado e público. Nesse momento, a divisão Ingram Micro Cybersecurity está focada principalmente em desenvolver novos mercados para os fabricantes, aproveitando-se de atributos exclusivos como sua capilaridade e portfólio. “Temos escritórios em  São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro e Porto Alegre, vendedores locais em Curitiba-PR, Joinville-SC, Belo Horizonte – MG,  Recife – PE, Salvador – BA e no interior de São Paulo, e somos líderes no mercado de distribuição de TI, o que garante uma grande oportunidade de cross selling”, explica Nakano.  Além disso, o diretor da Ingram Micro Brasil destaca a capacidade da distribuidora de trabalhar com o setor público e de comercializar soluções em cloud por meio da plataforma Ingram Micro Cloud Marketplace.

Para suas revendas, a nova divisão de cibersegurança da Ingram Micro ainda oferecerá uma equipe técnica altamente qualificada, capaz inclusive de fazer provas de conceito (PoC). Também estão previstas ações como o Engage Ingram Micro, road shows realizados em várias capitais para mostrar o potencial do mercado de cibersegurança e para conectar fabricantes com o ecossistema de canais.

Com a Ingram Micro Cybersecurity, a expectativa da Ingram Micro é, até 2020, dobrar o volume de negócios com soluções de cibersegurança. “Para isso, estamos focando no desenvolvimento das novas soluções com os quais fechamos parceria recentemente, e no cross selling das marcas de infraestrutura que já comercializamos”, conclui o diretor de network e segurança da Ingram Micro Brasil.